G2
bem-vindos.png
elearning1.jpg

Grupo constituído por:

  • Ana Gonçalves
  • Joana Vieira
  • Marta Beja Neves
  • Sara Maia

Tema do trabalho de grupo:

"Hardware"

computador.jpg

—> Como prometido, o nosso trabalho já está disponivel nesta mesma pagina. Obrigado

* Para aceder ao ficheiro: canto inferior direito da pagina -> "files". Descarrega o ficheiro e bom estudo!

— > Deixamos aqui alguns links que consideramos interessantes sobre o hardware. Esperamos que vos ajudem a associar alguns conceitos e definições aos suportes físicos que os representam.

aviso.gif

—> 2º teste de T.I. dia 20 de Novembro, preparem-se…
—> Trabalho final de T.I. entregar até final do semestre, ou seja, até 18 de Dezembro
—> Exame de T.I. fase normal - 14 de janeiro de 2010
—> Exame de T.I. fase recurso - 26 de janeiro de 2010

Bom Estudo e Boa Sorte…

Tópicos importantes das matérias dadas:

Sistema de Informação:

sis.jpg
  • Dados: Descrição elementar de factos, objectos, eventos, actividades ou transacções que são registados, classificados e guardados.
  • Informação: Dados organizados de forma a proporcionarem sentido e valor para o receptor.
  • Conhecimento: Dados e/ou informação organizados e processados de forma a transmitirem uma maior compreensão, experiência e aprendizagem acumulada, aplicada a um problema ou actividade.
  • Sistema: um conjunto de componentes, relacionadas entre si, actuando num determinado ambiente, tendo por finalidade alcançar objectivos comuns; com capacidade de auto-controlo
  • Um Sistema de Informação (SI) é um sistema constituído por pessoas, procedimentos, dados/informação e componentes TIC (hardware, software e comunicações) que recolhe, processa, armazena, analisa e distribui informação com objectivos específicos.
  • Um Sistema Informático é a parte do sistema de informação que é executada utilizando as Tecnologias de Informação e das Comunicações (TIC).
  • Um Sistema de Informação Organizacional (SIO) é um sistema composto por pessoas, procedimentos, dados/informação e componentes TIC (hardware, software e comunicações) cujo objectivo é processar dados e fornecer informação para suportar as Operações, a Tomada de Decisões e a Posição Competitiva de uma Organização.
  • Extensão da Utilização:

• Individual – Afecta um único utilizador. Ex: Microsoft Office, OpenOffice
• Workgroup – Afecta um grupo de utilizadores. Ex: Lotus Notes, Wikis,…
• Organizacional – Afecta grande parte da organização. Ex: TPS, ERP, CRM, SCM,…
• Interorganizacional – Permitem a automatização de fluxos de informação entre organizações (ex: gestão de aprovisionamentos na indústria automóvel)

  • Tipos de sistemas:

• Transaction Processing Systems (TPS)
• Enterprise Resource Planning (ERP)
• Customer Relationship Management (CRM)
• Supply Chain Management (SCM)

  • Transaction Processing Systems (TPS): Suportam as actividades de rotina do negócio da organização. Monitorizam, recolhem, armazenam e processam os dados gerados por todas as transacções do negócio
  • Enterprise Resource Planning (ERP): São sistemas integrados que permitem a gestão e coordenação de todos os recursos, informação e funções de uma organização (RH, Contabilidade, Finanças, Marketing, …)
  • Customer Relationship Management (CRM): Suportam, de forma integrada, os processos que uma organização utiliza para acompanhar e organizar os seus contactos com os actuais e potenciais clientes
  • Supply Chain Management (SCM): é a gestão de uma rede interligada de empresas envolvidas no fornecimento do produto final e/ou pacotes de serviços solicitados pelos clientes finais (Harland, 1996)
  • Um Sistema interorganizacional (IOS) permite a automatização do fluxo de informações entre organizações (fornecedores, clientes e parceiros de negócio) de forma a optimizar a cadeia de abastecimento (supply chain) o que permite o desenvolvimento competitivo das organizações
  • Suporte à Tomada de Decisões: Recolhem e analisam informação proveniente de múltiplas fontes para suporte à tomada de decisão aos vários níveis hierárquicos
  • Business Intelligence contempla a utilização dos dados da organização para suportar a tomada de decisões, o que significa entender o

funcionamento actual e antecipar as acções a desenvolver

  • Data Minining: O seu principal objectivo consiste em fornecer apoio à decisão para gestores e profissionais das empresas através de knowledge discovery
  • OLAP (Online Analytical Processing): Permitem aos gestores e analistas examinar e manipular grandes quantidades de dados detalhados e consolidados a partir de várias perspectivas
  • Gestão do Conhecimento é o processo que apoia a organização na identificação, selecção, organização, disseminação e transferência de informação especializada e importante que faz parte da sua memória (conhecimento organizacional)
  • Sistemas de Gestão do Conhecimento - São sistemas que utilizam as tecnologias de informação e de comunicação actuais - Internet, intranets, extranets, data warehouses para sistematizar, melhorar e agilizar a gestão de conhecimento intra e interorganizacional
  • Conhecimento organizacional – conhecimento proveniente dos empregados. Pode ser explícito ou tácito.
  • Conhecimento explícito – conhecimento mais objectivo, racional e técnico. O conhecimento explícito é codificado (documentado) de

forma a que possa ser distribuído ou transformado num processo ou estratégia sem necessitar de interação interpessoal.
Ex: Definição de Cliente no sistema OLTP

  • Conhecimento tácito - está normalmente no domínio da subjectividade e da aprendizagem experimental, é muito pessoal e

dificilmente formalizável. Também é chamado de conhecimento embebido.

  • Decision Support Systems (DSS):Fornecem interactivamente suporte aos gestores e outros profissionais durante o processo de tomada de decisão
  • Management Information Systems (MIS):Fornecem informação para suporte às necessidades diárias de decisão dos gestores e de outros profissionais
  • Executive Information Systems (EIS): São os precursores dos sistemas de Business Intelligence; Fornecem informação aos gestores de topo de forma fácil e rápida
  • Expert Systems: Simulam as decisões de um perito com quem “aprendem” os mecanismos e os parâmetros de determinado tipo de

decisão

Hardware:

90F74_3.jpg
  • Hardware é a designação do equipamento físico usado para ler e processar dados
  • Unidade Central de Processamento (CPU) executa a computação actual ou “trata os dados" dentro de qualquer computador.
  • a Motherboard ou placa principal contém todos os componentes e dispositivos vitais ao funcionamento do sistema
  • A memória principal armazena quantidades pequenas de dados e informações que serão usados imediatamente pela CPU. É volátil.
  • A memória auxiliar armazena quantidades maiores de dados e informações (um programa de software inteiro, por exemplo) por períodos alargados de tempo. Não é volátil.
  • Registos são áreas de armazenamento de alta velocidade que guardam pequenas porções de dados e instruções por curtos períodos de tempo.
  • Memória cache: a memória cache é um bloco relativamente pequeno de memória muito rápida
  • Memória somente de leitura (read-only memory, ROM): tipo de armazenamento primário onde são salvaguardadas certas instruções críticas; o armazenamento é não volátil e retém as instruções quando a energia elétrica que abastece o computador é desligada.
  • A Lei de Moore diz que a complexidade do microprocessador deverá duplicar a cada dois anos
  • A velocidade do processador mede-se em hertz (Hz), correspondendo 1 hertz a um ciclo por segundo
  • O Computer Power ou Poder do Computador corresponde ao seu desempenho
  • A quantidade de dados que podem ser transportados de uma só vez é a largura do bus (bus width em que mais largo = mais dados)
  • CISC é um processador com um conjunto complexo de instruções máquina
  • RISC é um processador com um conjunto reduzido de instruções máquina
  • Banda magnética: Um meio de armazenamento secundário em um carretel aberto grande ou em cartuchos menores ou cassetes.
  • As Tecnologias de input permitem às pessoas e a outras tecnologias entrar dados num computador
  • O output gerado por um computador pode ser transmitido ao utilizador através de vários dispositivos de output, tais como: – Monitores, impressoras, plotters, som, imagem, música, vídeo e voz

Software:

novus-software-de-supervisao-software-superview-396425-FGR.jpg
  • Software é o processo de dizer à máquina o que esta deve fazer
  • Software de sistemas – software que constitui a infra-estrutura sobre a qual sobre a qual se executa o software aplicacional
  • Software aplicacional – são programas desenvolvidos para realizarem tarefas e funções específicas
  • Sistema Operativo : Software que controla a execução de programas de computador e permite temporização, detecção de erros, controlo de entradas/saídas, contabilidade de processamento, compilação, atribuição de memória, gestão de dados e serviços relacionados
  • Um Sistema Operativo tem 3 objectivos:

• Gerir os recursos do computador
• Estabelecer o interface com o utilizador
• Executar e disponibilizar serviços para o software aplicacional

  • Multitarefa / multiprogramação – A gestão de duas ou mais tarefas ou programas em processamento concorrencial num único processador.
  • Multiprocessamento – Processamento simultâneo de mais do que um programa através da sua afectação a diferentes processadores.
  • Memória Virtual – Uma funcionalidade que simula mais memória principal (ou central) do que aquela que realmente existe no computador, estendendo a

memória principal à memória secundária (disco).

  • GUI – Graphical User Interface – é uma componente do Sistema Operativo que permite aos utilizadores ter controlo directo sobre os objectos visíveis

(normalmente ícones) e acções, que substituem a sintaxe de comandos.

  • Open Source Software – é um software cujo código fonte é disponibilizado gratuitamente. A licença mais conhecida é a GNU, desenvolvida pela Free Software Foundation. Exemplos: Linux, Apache, Mozilla, StarOffice, etc
  • Freeware - é um software distribuído gratuitamente, não sendo neste caso disponibilizado o código fonte
  • Shareware - distribuído livremente, mas cuja utilização, após um período de teste ou outras condições, obriga o utilizador ao respectivo pagamento
  • Comercial - software sujeito a direitos de cópia, obtido através de um pagamento
  • Software as a Service (SaaS): É a disponibilização de aplicações comerciais e de poder computacional através de conexões seguras à

Internet.

  • Cloud Computing: É uma evolução natural do Software as a Service (SaaS), mantendo a mesma filosofia de utilização e pagamento.
  • Aplicações Transaccionais: ERP, CRM, Contabilidade, Gestão da Produção, Vendas, Facturação, etc
  • Aplicações Analíticas: BI, Sistemas de Suporte à Decisão, Sistemas de Informação para Executivos
  • Uma linguagem de programação é composta por um conjunto de comandos e símbolos especiais que têm um significado exacto e inequívoco, os quais correspondem a tarefas bem definidas que o computador tem de realizar
  • Linguagens de Programação: 1 - Código máquina, 2- Assembler, 3 - Linguagens de 3ª geração, 4 - Linguagens de 4ª geração, 5 - Natural
  • A linguagem máquina é constituída pelas instruções elementares que o processador entende
  • A linguagem assembly ou assembler é uma linguagem próxima da linguagem máquina
  • Linguagem de alto nivel: Estão mais próximas da linguagem corrente do utilizador. Simplificam e tornam mais produtivo o trabalho do programador
  • Interpretador:

• Interpreta (traduz) uma instrução de cada vez
• A tradução para código executável é feita durante o processo de execução
• Os erros de sintaxe ocorrem durante a execução Compilador
• Mais lento na execução

  • Compilador:

• Traduz todo o programa para código executável
• A tradução é feita de uma só vez
• Os erros de sintaxe são detectados antes da execução
• Mais rápido na execução

  • Linguagens de programação visual (visual programming languages ): permite a criação de objectos com representações gráficas no ecrã através da selecção de ícones de uma palete
  • Objecto: Qualquer coisa, real ou abstracta, sobre a qual guardamos dados e métodos que manipulam esses dados.
  • Mashup: é um website ou uma aplicação web que usa conteúdo de mais de uma fonte para criar um novo serviço completo.
  • Groupware: sistema aplicacional que permite aos trabalhadores uma colaboração em tempo real através da Web
  • Realidade virtual (VR de Virtual reality): é uma aplicação que simula a realidade sensorial através de software

FUN ZONE

Sabem porque é que o e-mail foi inventado? Vejam porquê…

Vale a pena ouvir, muito bom!!

Curiosidades

Brevemente…

boneco_TIC.jpg
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License